Democratas Salvador realizou mais de 14 mil ações de atenção à mulher em 2021 - Democratas

Salvador realizou mais de 14 mil ações de atenção à mulher em 2021

06 janeiro 2022

Compartilhe

E vamos de retrospectiva? Nessa semana a Prefeitura de Salvador divulgou dados importantes: em 2021, a capital baiana, com gestão do prefeito Bruno Reis (DEM), realizou mais de 14 mil ações de atenção à mulher.

Através de ações viabilizadas pela Secretaria Municipal de Políticas para Mulheres, Infância e Juventude (SPMJ), Salvador, foram atendidas 3.278 mulheres nos Centros de Referência e Atenção à Mulher Vítima de Violência. Dessas, 18 foram acolhidas com 17 crianças. O serviço de busca ativa realizou 1.737 ocorrências e 291 pessoas foram referenciadas. Outras 7.834 pessoas receberam atendimentos jurídicos, sociais e psicológicos.

Através das ações do Outubro Rosa, 653 exames foram agendados, além da realização de atividades informativas. “O propósito maior da SPMJ é a garantia de direitos e essa foi a nossa maior missão, durante o ano passado”, afirmou a titular da pasta, Fernanda Lordêlo.

Ela destacou a prevenção e combate à violência contra as mulheres, a implementação do comitê institucional de enfrentamento e do Núcleo de Enfrentamento e Prevenção ao Feminicídio (NEF), com ações educativas e de qualificação profissional, assim como de assistência, acolhimento e garantia de direitos às mulheres em situação de violência.

Com o objetivo de promover ações integradas para a erradicação da violência doméstica contra a mulher, a SPMJ capacitou pessoas para identificar casos de agressão, ofereceu tratamento integral e personalizado e articulou rede de parceiros públicos e privados para promoção do combate à violência e tratamento adequado à mulher. Além disso, a secretaria garantiu à população conhecimento e informação sobre o tratamento adequado à mulher, com respeito e dignidade.

Violentômetro

Ainda com o foco no enfrentamento a violência contra mulher, a SPMJ lançou, em 2021, o violentômetro. O termômetro exibe os diferentes níveis da violência contra a mulher e como ela deve proceder em cada um deles. As atitudes são distribuídas em três grupos diferentes, que ganham uma intensidade maior de cor, conforme os comportamentos vão se agravando.

Qualifica Mulher

Para garantir a promoção, resgate e fortalecimento da geração de renda da mulher, tendo como foco a ampliação de qualificação profissional, a SPMJ, através do Programa Empreende & Qualifica Mulher, ofertou capacitações para mulheres acima de 18 anos, em situação de vulnerabilidade.

Com articulação de parceiros para extensão de oportunidades de geração de emprego e estímulo a negócios sustentáveis, o projeto tem como objetivo oferecer independência financeira e autonomia econômica da mulher soteropolitana.

Através de uma parceria com Senac e Senai, no ano passado, a SPMJ ofertou cursos de eletricista predial de baixa tensão, encanadora predial, marceneira, pedreira polivalente, panificação, cabeleireira assistente e barbeira. Um total de 165 mulheres foram certificadas.

 

| Com informações da Prefeitura de Salvador

Segue a gente pra ficar dentro de tudo que importa em política

Voltar

Receba nossas novidades por email